Foto sem descrição

Mais 373 escrituras são entregues a moradores do Sol Nascente

Com mais 373 escrituras entregues nesse sábado (18), 1.575 moradores do Trecho 1 do Sol Nascente, em Ceilândia, serão beneficiados com a regularização dos imóveis. “[A entrega de escrituras] é mais um passo importante para dar tranquilidade, segurança jurídica a cada um de vocês”, disse o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, presente na solenidade, na Avenida das Palmeiras, entre as Quadras 200 e 300.

O aposentado Cincinato Nogueira mora sozinho e recebeu a escritura das mãos de Rollemberg. “Foi muito bom, maravilhoso. Estou muito emocionado”, disse o viúvo de 68 anos, há dez no Sol Nascente.

O governador também entregou o documento a Maria Silvânia Machado Rebouças, de 41 anos, monitora de crianças em uma creche. “É muita alegria, muita felicidade. Aguardamos por nove anos.” A contemplada reside com o marido e quatro filhos.

Os novos donos dos imóveis devidamente legalizados não tiveram custo com cartório, pois as despesas foram pagas pela Companhia Habitacional do Distrito Federal (CODHAB). A grande maioria dos contemplados ganha de um a três salários mínimos.

Desde fevereiro, famílias com renda de até três salários mínimos têm acesso gratuito a escrituras de lotes regularizados. A entrega de escrituras faz parte do eixo Lote Legal, do programa Habita Brasília. Com o evento desse sábado, serão 25.028 escrituras nas mãos dos legítimos proprietários nesta gestão.

Além do governador, participaram da cerimônia o diretor-presidente da CODHAB, Gilson Paranhos, o administrador regional de Ceilândia, Vilson José de Oliveira, e a deputada distrital Luzia de Paula (PSB), além de secretários de Estado e dirigentes de outros órgãos do Executivo local.

Mais cedo, ainda na Avenida das Palmeiras, Rollemberg foi ao Ações Urbanas Comunitárias e conversou com moradores. O projeto da CODHAB une governo e sociedade para promover melhorias nas cidades, como pintura de fachadas e plantio de mudas, em forma de mutirão.

 

Fonte: Agência Brasília

VOLTAR AO TOPO