Foto sem descrição

CODHAB é convidada a participar de evento da tocha paralímpica

Nesta quinta-feira (01), a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (CODHAB-DF) participou do evento que encerrou o percurso da tocha paralímpica em Brasília. A Companhia foi convidada por ser um dos órgãos que realizam trabalhos voltados para pessoas com deficiência.

O colaborador Joaquim Barbosa, que possui deficiência auditiva, fez a abertura da cerimônia e falou da emoção de participar do evento. “É muito gratificante fazer parte de um momento assim. Representar as pessoas com deficiência é uma honra, ainda mais neste momento que é todo voltado para  pessoas como nós”, completou.

A festa de encerramento começou às 15h45, no Estacionamento 12 do Parque da Cidade, em frente ao Parque Ana Lídia. A equipe de dança cigana formada por pessoas com e sem deficiência Namastê abriu o show. Em seguida, se apresentaram o multi-instrumentista paraplégico Josué do Cavaquinho, a cantora cega Luma Cavalcante, o grupo de pagode Nó Cego e, por último, o grupo de percussão Surdodum.

 

Revezamento da tocha

 

Depois de transitar por sete pontos e de ser conduzida por 103 pessoas, a tocha paralímpica teve seu revezamento em Brasília encerrado e comemorado com festa. O símbolo dos jogos foi aceso na manhã desta quinta-feira (1º) no Parque da Cidade e seguiu para o Parque das Garças e para uma unidade da Rede Sarah, no Lago Norte. Antes de retornar ao ponto de partida, o fogo passou pelo Setor de Indústria e Abastecimento, pelo Setor Policial Sul e pela Quadra 612 da Asa Sul. As paradas ocorreram em instituições, associações e projetos que atendem pessoas com deficiência.

 

Fonte: Ascom CODHAB com informações da Agência Brasília

Fotos: Agência Brasília

 

 

Fim do percurso da tocha paralímpica em Brasília reúne 800 pessoas no Parque da Cidade

VOLTAR AO TOPO