Foto sem descrição

Governador entrega 688 apartamentos no Riacho Fundo II

Oferta de habitação integra um dos pilares da política habitacional do governo de Brasília

O governador Rodrigo Rollemberg entregou, na manhã deste sábado (12), mais 688 apartamentos no residencial Parque do Riacho, no Riacho Fundo II. Uma das unidades é a da diarista Ana Cláudia Teixeira, 38 anos, que mora há seis de favor. "Estou muito emocionada em ter minha casa própria, agora estou realizando um sonho", disse.

Assim como Ana Cláudia, os contemplados fazem parte da faixa 2 do programa Morar Bem — vinculado ao Minha Casa, Minha Vida, do governo federal —, destinado a pessoas com renda familiar de R$ 1.600,01 a R$ 3.275. Os imóveis são de dois e três quartos — 48 m² e 56 m², respectivamente — com sala, banheiro, cozinha e área de serviço. Os arredores têm infraestrutura completa, como pavimentação, redes de água, de esgoto, drenagem pluvial e energia elétrica.

O chefe do Executivo comentou que a entrega das moradias integra a política habitacional do DF, baseada em três pilares: além da oferta de habitação, combate à grilagem de terras e promoção da regularização fundiária de algumas regiões. Para Rollemberg, passar as chaves para as mãos dos moradores é um ato extremamente significativo para famílias que há tantos anos alimentam o desejo de residir em imóvel próprio. "Estou imensamente feliz de poder estar mais uma vez aqui e entregar esses apartamentos, pois sei que isso é a realização do sonho de muita gente", afirmou.

O servidor dos Correios Neílton Soares, 39 anos, comemorou poder finalmente deixar a casa cedida pelo pai, no Gama, e mudar-se para o Riacho Fundo II com a esposa e os dois filhos. "Ficamos extremamente felizes, pois vamos morar no que é da gente".

Mais entregas em 2016
De acordo com a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do DF (Codhab), a previsão é de que mais 1.392 apartamentos sejam entregues no início de 2016. Participaram da entrega dos apartamentos o secretário de Gestão do Território e Habitação, Thiago de Andrade; o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do DF (Codhab), Gilson Paranhos; o administrador regional do Riacho Fundo II, Francisco Vicemá Medeiros; o presidente da Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb), Maurício Luduvice; e os deputados distritais Julio César (PRB) — líder do governo na Câmara Legislativa — e Luzia de Paula (Rede).

Fonte: Agência Brasília

VOLTAR AO TOPO