Foto sem descrição

CODHAB participa da II Jornada de Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social de Brasília

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (CODHAB-DF) participou da II Jornada de Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social de Brasília (JATHIS). O evento, que aconteceu do dia 29 de outubro a 1 de novembro  no auditório do Instituto Federal Brasília (IFB), contou com a participação de estudantes e professores de todo país.

 

Assim como no evento anterior, a II JATHIS promoveu a sensibilização de alunos, professores e instituições de ensino para aspectos profissionais e sociais de assistência técnica. Um dos objetivos foi estimular estudos de métodos para realização de requalificação de moradias.

No primeiro dia de jornada, os participantes visitaram os setores habitacionais Pôr do Sol e Sol Nascente trechos I, II e III. Por meio da imersão em comunidades localizadas em Áreas de Regularização de Interesse Social (ARIS),  os estudantes conseguiram acompanhar de perto a realidade e as necessidades da população.

“Quando visitamos as comunidades, conseguimos trabalhar de forma mais espontânea. A JATHIS nos permite conhecer os meios para executar esse trabalho coletivo em vias oficiais. Nós estamos desenvolvendo projetos de verdade, dessa vez nós atendemos com muito mais cuidado sabendo que o que estamos projetando vai ajudar cada família”, conta Bruna Ruperto, 29, aluna de Arquitetura e Urbanismo na Universidade de Brasília (UnB).

 

Durante o segundo dia, as equipes foram divididas por localidade para que pudessem desenvolver cerca de 35 projetos que ajudassem a proporcionar qualidade de vida para os moradores das cidades. No último dia, todos os participantes se reuniram em um auditório para apresentar as propostas.

A JATHIS se insere no pioneirismo da CODHAB em assistência técnica e a partir das experiências adquiridas, a Companhia oferece a oportunidade de aprendizado aos alunos. Segundo os professores da jornada, o grande diferencial é a questão de orçamento “Eles vêem muito pouco disso na universidade e trabalhar de forma bem aplicada e real é muito importante. Ter noção de quanto custa cada escolha e desenvolver o projeto baseado no que já tem pré-estabelecido é uma experiência diferente”, diz Ludmilla de Araújo, professora no UniCEUB e integrante do IAB/DF.

“Esse evento é perfeito para oferecer aprendizado aos estudantes que vão sair do curso com o entendimento de como a lei 11.888 pode ser implementada. Na verdade, esse conhecimento se articula com a aplicação da formação que eles recebem na universidade. Isso é de uma expressividade incalculável”, contou entusiasmada a professora da UnB Cristiane Guinancio.

A Jornada de Assistência Técnica foi realizada pela CODHAB e o Colégio de Entidades de Arquitetura e Urbanismo (CEAU/DF), por meio do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/DF). Além disso, recebeu o apoio institucional da ONU-HABITAT. Todos os participantes receberam um certificado com a assinatura de cada órgão envolvido.


VOLTAR AO TOPO