Posse no Conselho de Administração da CODHAB

O secretário de Habitação, Thiago de Andrade, destacou nesta quarta-feira a necessidade de dotar o Distrito Federal de uma política urbana ampla, e não apenas de política habitacional, ao tomar posse nesta manhã no cargo de presidente do Conselho de Administração da CODHAB. ''Vamos tentar configurar as demandas para o bem da participação social e coletiva'', afirmou.

O secretário empossou o presidente da CODHAB, Gilson Paranhos, no cargo de presidente substituto do conselho. Na ocasião, foi ratificada a posse dos membros da diretoria Executiva, ocorrida no último dia 22. Os cargos serão ocupados por Júnia Federman, diretora de Produção Habitacional; Luiz Manoel Correia Lima, diretor Administrativo; Eloy Corazza, diretor financeiro, e Jorge Gutierrez, diretor Imobiliário. Estavam presentes os membros do Conselho de Administração, Francisco Dorion e Sabino Sobreira, representantes de movimentos sociais.

Gilson Paranhos lembrou que o período de quatro anos é insuficiente para atender às expectativas da cidade. Daí porque entende como essencial desenvolver no período proposta de Estado e não apenas de interesse do governo. Ele lembrou que a realidade do DF ''é crítica'', obrigando a todos os setores a se adaptarem à situaçâo imposta pelas dificuldades financeiras. No caso da Codhab, referiu-se à obrigatoriedade de cortar em 50% a sua folha de pagamento. Paranhos também destacou a ''urgência'' de combater os desvios no uso de moradias de programas habitacionais do DF. Ele se referiu especificamente ao Jardim Mangueiral, onde o mapeamento revelou que 33% dos imóveis foram alugados ou negociados mediante contratos de gaveta.

VOLTAR AO TOPO